PortalGuaratiba

O portal da comunidade de Guaratiba.

Servindo à comunidade

Divulgando as notícias

Pedra de Guaratiba
Barra de Guaratiba
Ilha de Guaratiba
Guaratiba

Na teoria preservação, na prática o manguezal está sendo destruído.

Na Baía de Sepetiba encontram-se os principais remanescentes de manguezais do município do Rio de Janeiro e um dos principais conjuntos desse ecossistema em todo o estado.

O manguezal de Guaratiba, formado pela Reserva Biológica e Arqueológica de Guaratiba (RBAG), administrada pelo Instituto Estadual de Florestas, é sem dúvida o mais importante trecho dos manguezais da Baía de Sepetiba.

Visto dessa maneira, o ecossistema composto pelo manguezal de Guaratiba deveria ser olhado com atenção pelas autoridades do Estado. Entretanto não é o que se vê, pois para quem vive do manguezal, ou mesmo vive ao lado dele, dia a dia vemos o assoreamento de canais e a diminuição do fluxo de água provocar uma diminuição acentuada da possibilidade de navegação e pesca.

Navegando na década de 80

Antes, nas curvas dos canais, formavam-se poços de aproximadamente dois a três metros de profundidade, os canais eram mais largos e podia-se navegar em pequenos barcos com facilidade, hoje temos dois ou três metros de lama, os canais nos quais podia se navegar com facilidade hoje só é possível na maré alta.

Nos estudos dos manguezais, os teóricos sempre falam em aumento do nível médio do mar e que esse aumento ocasionará a inundação de áreas costeiras, possibilitando a regeneração e migração do manguezal. Alertam que a ocupação nas margens, como a Estrada da Barra de Guaratiba e Avenida das Américas impedirão essa inundação das planícies costeiras pelo mar, reduzindo assim a área ocupada pelo manguezal nessas regiões, mas que planícies desocupadas permitirão a acomodação necessária.

Retificação do canal do Rio Portinho

Acontece que ao retificar e aprofundar o canal do Rio Portinho na década de 80, o exército drenou uma grande área do manguezal, e ao longo dos anos alguns canais foram perdendo a velocidade da água e pouco a pouco assoreando. Moradores antigos da Ilha de Guaratiba afirmam que há poucos anos era possível ir de barco até a Estrada do Morgado, e que o Caminho do Mangue na Ilha era usado pelo pessoal que descia por ali para pegar caranguejo. Acontece que hoje já nem se vê mais canais, e corremos o risco inclusive de inundações devido ao assoreamento quase total desses canais de escoamento.

A Ilha de Guaratiba recebeu esse nome porque outrora toda a região era inundada pela maré e efetivamente parecia uma Ilha, na época do império existia inclusive um Engenho da Ilha. É folclore aquela história do Inglês chamado Willian que todo mundo conta como verdadeira. O bairro com nome de Portinho no final do Rio Portinho que hoje é completamente seco, na verdade tinha um porto onde atracavam embarcações para escoar a produção da região, permaneceu o nome e muitos moradores da região não sabem explicar o motivo.

Canal do Rio Pedrinho na década de 80

Segundo o Presidente da Associação de Moradores da Ilha de Guaratiba, Sr. Tenil Nunes, é necessário a dragagem desses canais para recompor o fluxo d´água nos padrões anteriores, pedido que segundo ele, já foi feito às autoridades. Não podemos afirmar que seja essa a solução, pois não somos especialistas no assunto, o que afirmamos, no entanto, é que alguma coisa precisa ser feita ou providências devem ser tomadas, e não esperar que o nível do mar aumente para termos a recomposição de nossos manguezais.

Na imagem a seguir podemos visualizar melhor do que estamos falando. A imagem do Canal do Rio Pedrinho ao lado da Estrada da Barra de Guaratiba dá uma idéia do que era esse canal antes de 1983 (acima) e hoje.

Canal do Rio Pedrinho hoje

| 03.12.2009 |Impactos das Mudanças Globais sobre Manguezais do Município do Rio de Janeiro

Comentários de nossos leitores.

Faça também seu comentário. É importante para nós.

Nome
Email
Comentário
  

Ivo Montana - o melhor rapper do Brasil.

Que bom se existisse um rapper como esse aqui em Guaratiba.

Não necessariamente um tipo de música incita a violência. É possível sim, existirem jovens rappers como Ivo Montana que façam músicas do "bem".

| 03.12.2009 |


A Feira de Artesanato da Ilha de Guaratiba acontecerá dia 12/12 a partir de 17:00 hs, encerrando às 23:00 hs.


CEPAG em busca de marcos históricos de Guaratiba descobre ponte contruída em 1881

A pequena ponte de 128 anos, graciosa, com uma estrutura bastante sólida, construída em 1881 possui um vão central em arco com inscrições do peitoril que denunciam sua idade e o nome "C&M Mello". Está localizada na antiga Estrada da Grota Funda na Ilha de Guaratiba, na propriedade particular do Sr. Ingo.

No momento o CEPAG está fazendo levantamento dos dados históricos da referida ponte para solicitar seu tombamento. Assim que tivermos notícias divulgaremos no portal.

| 03.12.2009 |

Confraternização da VIDA FELIZ.

No dia 10 de dezembro(quinta-feira) será realizada a festa de confraternização da VIDA FELIZ no Sítio da Tia Penha (Est. Barra de Guaratiba, 2745), das 9 às 14 horas.

| 03.12.2009 | Confirmar presença com Iêda Thomé Tel.:3427-3487/9623-9871