Notícias de Guaratiba

Instituto Mukharajj o espaço do saber em nossa região

Publicado em 25.03.2011

Antes da década de 70 uma pequena estradinha que serpenteava a Serra Geral de Guaratiba no vale da Grota Funda era o único caminho para se chegar a Guaratiba vindo do areal da Barra da Tijuca e do Recreio dos Bandeirantes que estavam na ocasião sendo ocupados pela cidade que crescia, acalentando os sonhos de uma classe média suburbana que sonhava morar perto do mar.

O tempo foi passando e a Estradinha da Grota Funda foi abandonada para dar lugar a Avenida das Américas que vinha cortando a serra e dando as voltas que o tropeiro dava na descida mais suave com os produtos da roça de Guaratiba. Mas o rasgo feito no início do século dezoito pelos mercenários do corsário Duclerc que se perderam na mata antes de alcançar Jacarepaguá permaneceu no solo frágil transformado em estrada.

Ali naquele recanto esquecido, situa-se o Instituto Mukharajj, no alto do Maciço da Pedra Branca, com uma vista que se estende do Pontal até a Pedra da Gávea. Em meio à natureza, o belo sítio transformado em sede do instituto foi construído em perfeita comunhão com o ambiente, preservando o seu contorno geográfico, realçando e enriquecendo o seu monumento paisagístico, preservando e recuperando a flora e fauna nativas.

Instituto Mukharajj é um centro de conhecimento extra-acadêmico, sem fins lucrativos, focado na evolução consciente do ser humano, das instituições e do planeta. Neste cenário natural, cercado de amor ao conhecimento, realiza estudos, pesquisas e debates, promovendo a disseminação da cultura oral e simbólica brasileira, notadamente nas suas vertentes histórica, mística, hermética e religiosa.

Durante todo o ano são realizados diversos eventos no instituto, neste sábado 26/03 serão oferecidas duas palestras com entrada franca:

15:00hs - O Brasão da Cidade do Rio de Janeiro e suas Transformações - Regina Bibiani Morgado.

16:30hs - O Simbolismo de São Sebastião, o Padroeiro da Cidade do Rio de Janeiro - Maria Lucia de Almeida Ferreira.

Maiores informações poderão ser obtidas no site da instituição.

Compartilhe essa matéria